GATOS CASTRADOS: BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE E CUIDADOS NECESSÁRIOS

Com a verticalização das cidades, os espaços reduzidos e a vida agitada da população brasileira, o gato está se tornando cada vez mais a escolha de quem quer ter um animal de estimação de baixo custo e cuidado mais simples. Atualmente, a população de gatos no Brasil é de 22,1 milhões e a projeção para 2020 é de cerca de 40 milhões (Euromonitor). Neste cenário, um dos principais temas a ser considerado pelo tutor é a castração. E, apesar de o procedimento ser cada vez mais adotado, ainda há muitas dúvidas, desde sobre o processo e seus benefícios, até os cuidados extras necessários. A resposta para algumas delas você confere a seguir:

A CASTRAÇÃO: O procedimento cirúrgico é simples. Consiste na remoção da fonte de hormônios que controlam a reprodução do animal, ou seja, dos testículos, para os machos e dos ovários ou ovários e útero para as fêmeas. Ele costuma ser feito entre os 6 e 10 meses do animal, mas não há contraindicação para gatos adultos. A Castração apresenta diversos benefícios que contribuem para a saúde e a longevidade dos gatos, mas requer também alguns cuidados especiais.

BENEFÍCIOS: Um grande destaque é a redução dos passeios externos em até 94%, diretamente relacionada à expetativa de vida duas vezes maior do que a de um gato que não passou pelo procedimento, já que ele se torna menos suscetível a doenças infecciosas contraídas na rua, a acidentes, traumatismos, intoxicações e maus tratos. Além disso, evita a reprodução indesejada, o abandono de animais e as doenças do sistema reprodutivo
– especialmente nas fêmeas, em que previne doenças relacionadas à gestação e reduz o risco de tumor de mama e de doenças uterinas.

VALE A ATENÇÃO: As alterações hormonais causadas pela castração demandam certos cuidados extras. E a alimentação de qualidade e adequada às necessidades de cada felino é uma ótima aliada dos tutores na prevenção e cuidado diário com os gatinhos.

  • Capacidade de Regular o Apetite: Os gatos machos aumentam o consumo de alimento em 26% após a esterilização, enquanto as fêmeas comem 18% a mais do que antes do procedimento. Esta alteração pode estar relacionada à interrupção da circulação de hormônios sexuais.
  • Necessidade Energética: Estudos mostram que o gato castrado fica menos ativo fisicamente, e consequentemente gasta menos energia. Se ele continuar ingerindo o mesmo alimento de antes, na mesma quantidade, pode acabar com sobrepeso.
  • Maior Ingestão de Alimentos: Em até dois dias após a cirurgia, o gato castrado aumenta a sua ingestão voluntária de alimentos. Em gramas, um macho esterilizado tende a comer 26% a mais que o gato inteiro, e a fêmea castrada 18% a mais.
  • Obesidade: Gatos esterilizados são 3, 4 vezes mais propensos à obesidade, principalmente entre 4 e 10 anos de idade. A necessidade energética dos gatos muda após a esterilização, o que pode causar sobrepeso se não forem adotados alguns cuidados com a alimentação.
  • Diabetes: Pesquisas apontam também que gatos esterilizados têm maiores chances de desenvolverem diabetes mellitus. Por isso, é muito importante o controle e qualidade do alimento a ser oferecido para que o gato não venha a desenvolver um quadro de sobrepeso.
  • Cálculos Urinários: A anatomia dos gatos machos favorece a obstrução das vias urinárias, em comparação à das fêmeas. Segundo um estudo gatos machos castrados têm um risco 2,5 vezes maior de desenvolver doença do trato urinário inferior dos felinos do que os machos sexualmente intactos. Uma alimentação adequada, que favoreça a diluição da urina, também pode ajudar na prevenção.

É importante ter em mente que os benefícios da esterilização superam a possibilidade de ocorrência de alterações, já que os cuidados e a nutrição adequada contribuem para a manutenção da saúde dos pets.

A ROYAL CANIN®, referência em nutrição para gatos e cães, desenvolveu a linha Sterilised, composta por produtos que atendem as necessidades dos gatos castrados desde a fase de filhote até se tornar idoso. Eles contêm os nutrientes adequados e fibras específicas, que contribuem para a saúde e a sensação de saciedade do animal. Para mais informações: 0800 703 55 88 ou acesse www.royalcanin.com.br